eventos

A minha vitória como ginasta de alta competição

de Lígia Soares

“(…) estou a usar o mundo da ginástica como invólucro para um discurso que quer libertar o mundo do binómio do melhor e do pior, para refletir sobre esse binómio de uma forma mais complexa e crítica e a usar a tenra idade das protagonistas para mostrar a tensão criada entre a tangibilidade desses valores e o intangível do futuro que as aguarda.”

  • [Porto] Teatro Campo Alegre . 24 e 25 fevereiro . 19h30
  • [Lisboa] CCB . 4 e 5 março . 19h00 e 16h00 . Pequeno Auditório

Ficha artística

  • Conceção, texto e encenação Lígia Soares
  • Interpretação e criação Lígia Soares e Maria Jorge com Beatriz Lapa e Rita Cerqueira (ginastas)
  • Música João Lucas
  • Cenografia Henrique Ralheta
  • Luz Pedro Guimarães
  • Direção de produção Mariana Dixe
  • Assistência de encenação e criação Beatriz Gaspar
  • Coprodução Centro Cultural De Belém, Teatro Municipal do Porto, Teatro Académico Gil Vicente, Festival Materiais Diversos
  • Residência de coprodução O Espaço do Tempo
  • Residência Festival Materiais Diversos

Em cena estão duas ginastas, transitam entre aparelhos ensaiando movimentos tendo em mente os valores do código de pontuação emitido pela Federação Internacional de Ginástica, até que se distraem…

São estes pensamentos divergentes do seu regime competitivo que vamos ver rodar nesta peça, desequilibrando-as da trave mas levando-as de encontro ao mundo.

Esta é uma peça para duas ginastas enquanto treinam para a alta competição colapsando com a impossibilidade de manter o seu foco face aos dilemas do mundo atual.

Lígia Soares, coreógrafa e dramaturga portuguesa. É licenciada pela Escola Superior de Dança (IPL). Foi artista residente da Tanzfabrik-Berlin de 2004 a 2006. O seu trabalho tem sido apresentado nacional e internacionalmente estando presente em vários programas internacionais de dança contemporânea. Na sequência de trabalhos como Romance, Turning Backs ou O Ato da Primavera, prossegue uma pesquisa em como criar dispositivos cénicos inclusivos da presença do espectador como elemento constituinte da dramaturgia do espetáculo. Tem quatro peças editadas na editora Douda Correria. A peça Cinderela ganhou o prémio Eurodram 2018.

Confirme sempre junto da sala de espetáculos ou promotor as condições de acesso, confirmação da data ou horário, local de venda dos bilhetes, preço e disponibilidade.

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Please follow and like us:
Pin Share
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!