culturaeventosteatro

‘A Noite dos Assassinos’ em estreia no TEC 50 anos depois da sua proibição

Comemorando o 50º aniversário do 25 de Abril, o TEC inicia o ano e um ciclo de textos proibidos pela Censura, com ‘A NOITE DOS ASSASSINOS’, de José Triana, texto revolucionário que o TEC produziu em 1973, com encenação de Jorge Listopad e que não chegou a ir a cena, por proibição no dia do ensaio geral.

Será uma forma de homenagear os intérpretes de então: Maria do Céu Guerra, Manuela de Freitas e Sinde Filipe, bem como o encenador Jorge Listopad, assim como todos os artistas que tiveram de se calar perante a Censura.

Obra importante do dramaturgo cubano José Triana, a história remonta a 1950, em Cuba, antes da Revolução de 1959, quando três irmãos, Cuca, Beba e Lalo, se encontram no sotão da sua casa para encenar o assassinato de seus próprios pais. À primeira leitura estamos perante uma metáfora dramática do clima vivido naquele país, focada no conflito de gerações entre pais e filhos, especificamente em relação aos valores educacionais daqueles e a revolta destes, traçando o retrato de uma complexa relação entre irmãos.

Para o TEC esta metáfora liga-se de forma mais profunda a contextos mais universais e atuais, onde num mundo instável e caótico, três irmãos lutam pela sua sobrevivência fechados num espaço, através de jogos de representação: improvisação, ensaio, ou uma representação do que já foi realizado? Neste violento jogo meta teatral de faz-de-conta, mortal e simbólico, não há amor entre os pais e filhos, revivem-se os acontecimentos num espelho interminável e nada é o que parece.

A equipa nuclear do TEC estará à frente da criação deste espetáculo, com destaque ao convite realizado a Daniel Worm d’Assumpção para o desenho de luz. Nesta encenação Carlos Avilez conta com três atores com grande reconhecimento público: Elmano Sancho (numa continuidade de colaboração com o TEC), Teresa Coutinho (pela primeira vez no TEC) e Lia Carvalho (saída da Escola Profissional de Teatro de Cascais há vários anos, e que se estreará em Cascais neste espetáculo).

SESSÕES:
27 MAR. a 25 ABR. Qua. a Sáb. 21h00, Dom. 16h00 com sessões a 27 MAR., 24 e 25 ABR. 21h00
5 e 12 ABR. não se efectuam sessões Teatro Municipal Mirita Casimiro

Confirme sempre junto da sala de espetáculos ou promotor as condições de acesso, confirmação da data ou horário, local de venda dos bilhetes, preço e disponibilidade.

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Please follow and like us:
Pin Share
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!