a concerto selectbanner-spotlightculturadestaque | reportagemeventosEventos 2024-02música

Black Sea Dahu pela primeira vez em Portugal

Coliseu dos Recreios

A banda indie suíça apresentou alguns dos seus temas nesta estreia em Portugal e logo nos Coliseus de Lisboa e Porto, com promessa de regresso.

Os Black Sea Dahu, num mini concreto de meia hora, foram a banda que abriu o concerto de Ben Howard, veja aqui a reportagem, apresentaram alguns dos seus temas como “In Case I Fall for You” e “Glue”, e animaram,  talvez até de mais, o publico, veja a nossa reportagem do concerto do Ben, com um concerto muito animado, sempre muito simpáticos, e até se aventuraram a falar português.

Black Sea Dahu > Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews < < 2023.05.22

Foi mesmo em português que anunciaram um regresso a Lisboa e Porto no próximo ano, esta banda que mistura folk com indie-rock e de pop, que foi muito aplaudida e cativou o publico que se deslocou ao Coliseu.

Black Sea Dahu > Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews < < 2023.05.22

Veja aqui todas as fotos do converto.

Black Sea Dahu regressam a Portugal em fevereiro de 2024!

Os locais escolhidos para estes primeiros concertos em nome próprio da banda suíça são o Musicbox e o Plano B. As datas, os dias 15 e 16 de fevereiro respetivamente.

Os Black Sea Dahu são o projeto da compositora Janine Cathrein e a sua banda que se iniciou nas edições discográficas com o disco The Kids Of The Sun (2012) ainda com a designação de Josh. A primeira edição já com o nome Black Sea Dahu data de 2018 e é o disco White Creatures de onde saíram os singles de sucesso “Big Mouth”, “In Case I Fall For You ou My Dear”.

Após uma série de singles, edições ao vivo e uma versão instrumental de White Creatures, é editado em 2022 o segundo álbum I Am My Mother. “Glue” e “I Am My Mother” foram alguns dos singles que fizeram com que a banda começasse a sua afirmação sobretudo no mercado europeu, originando um sem número de concertos esgotados e um cada vez maior número de fãs. Ainda em 2022 saiu o EP Orbit de onde foi retirado o single “My Guitar is to Loud”. Há umas semanas, foi editada a versão instrumental de “I Am My Mother“.

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Please follow and like us:
Pin Share
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!