banner-spotlightconcertos/músicacultura

O festival Lisboa ao Palco começou na sexta-feira com David Fonseca e Joana Espadinha

A programação do Lisboa ao Palco ficou encarregue pelo guitarrista Diogo Clemente para um público limitado a 600 lugares.

This post is also available in: English (Inglês)

De 11 de Setembro a 4 de Outubro, a Quinta da Alfarrobeira, em São Domingos de Benfica, Lisboa, acolhe 10 noites de música portuguesa, reunindo em 20 espectáculos nomes de renome e em ascensão da indústria musical nacional. O recinto terá capacidade reservada para cerca de 600 lugares sentados respeitando todas as regras de distância social, higiene e segurança estabelecidas pela Direcção-Geral da Saúde. Os bilhetes estão à venda pelo preço único de 15 €.

Lisboa ao Palco arrancou na sexta-feira, dia 11 de Setembro, com os concertos de Joana Espadinha e David Fonseca, pelas 20h45 e 21h45, respectivamente.

Joana Espadinha é uma voz forte no novo pop nacional, ficou conhecida pela sua participação na edição 2018 do Festival da Canção e tem dois álbuns de estúdio editados. “O Material Tem Sempre Razão” dá nome ao último disco de Joana Espadinha, produzido por Benjamim, e inclui os singles “Leva-me a Dançar” e “Pensa Bem“.

Durante o concerto pudemos ouvir temas como “Vai Ser Melhor”, que a artista escreveu pensando nas vítimas de violência doméstica, “Sem Emenda”, “Zero a Zero”, música que cantou no Festival da Canção em 2018, e “Qualquer Coisa“, com ela em palco Margarida Campelo nos teclados, Francisco Brito no baixo, João Pirmino na guitarra e Nuno Safara na bateria.

Às 21h45 foi a vez de David Fonseca subir ao palco com “I’m Good”, “Anyone Can Do It”, “Lazy”, “Slow Karma” e “Resist”, com a convidada especial Alice Wonder, de Espanha. Num concerto repleto de tecnologia e criatividade, a cantora conseguiu encher de energia o público que, mesmo sentado, não resistiu a abanar a cabeça.

Natural de Leiria, David Fonseca deu-se a conhecer na música através de “Silence 4”, que estreou em 1998 com o álbum “Silence comes it”.

David Fonseca tem feito muito trabalho criativo com outros autores, integrando o coletivo Humanos, compondo para Sérgio Godinho, participando de um show de homenagem a Leonard Cohen, em um álbum em homenagem a David Bowie, e, em 2012, editou um álbum de fotos “Aqui e agora“.

Durante a quarentena, o artista afirma que “quase todos os momentos mais difíceis” da sua vida “tiveram uma solução criativa transformando-se em algo mais positivo, mais fácil de superar”.

De 11 de Setembro a 4 de Outubro, a Quinta da Alfarrobeira, em São Domingos de BenficaLisboa, acolhe 10 noites de música portuguesa, juntando em 20 espectáculos nomes consagrados e em ascensão. O recinto terá uma lotação reservada a cerca de 600 lugares, sentados, cumprindo todas as normas de distanciamento social, higiene e segurança enunciadas pela Direcção Geral de Saúde. Os bilhetes encontram-se à venda a partir de hoje3 de Setembro, pelo preço único de 15€, na Blueticket, locais habituais e no recinto, nos dias de espetáculo às 19h00 e aos Domingos às 17h30.

A Quinta da Alfarrobeira é um lugar emblemático. Quando João Frederico Ludovice projectou, construiu e habitou esta quinta, a partir de 1748, jamais imaginaria que, cerca de três séculos mais tarde, a mesma viria a transformar-se num espaço que pretende reunir e aproximar os cidadãos ao poder local, dando corpo a uma intervenção política, social e cultural muito mais direta e próxima das pessoas: aqui podem frequentar-se as aulas da Academia de São Domingos ou assistir a eventos culturais, como o Lisboa ao Palco, que marca a rentrée musical em Lisboa, dentro da normalidade possível neste período de pandemia, enquanto todos, artistas e público, aguardam pelo dia em que os espectáculos tornarão a funcionar na sua plenitude.

O ciclo Lisboa ao Palco é uma iniciativa da C.M. Lisboa e EGEAC, com o apoio da Junta de Freguesia de São Domingos de Benfica, produzida pela Sons em Trânsito e Tejo Music Lab, com o objectivo de assinalar este regresso aos palcos bem como celebrar a riqueza e diversidade da música portuguesa. A programação ficou a cargo de Diogo Clemente.

 

Acompanha as nossas redes sociais: Instagram; Facebook; Twitter; Youtube.

 

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!