culturamúsica

Mallina apresenta “Nas Tuas Mãos”

Depois do lançamento de ESPELHO, o seu EP de estreia, a ‘‘moura encantada do sul” traz-nos o irreverente single “Nas Tuas Mãos” que nos mostra a raça de que é feita esta ‘moça’ MALLINA.

Conquistou o público de Lisboa, num quente e cheio Musicbox, no final do ano passado, e está desde então a preparar o próximo grande projeto que inicia com este Pop Eletrónico para soltar os corpos e dançar, mas sempre com a chamada de atenção habitual da artista, temas delicados mas dançados e cantados, para que se tornem leves mas nunca ignorados.

“Nas Tuas Mãos” é um beat Jersey misturado com influências de Fado e Pop Eletrónico que, nas palavras da artista, “usa para dançar até os sentimentos mais reprimidos”.

“Esta música nem era para ser escrita. Mas em conversa com amigas apercebi-me que não estava sozinha no tema ‘assédio’. Na verdade, já nos tinha acontecido a todas de alguma forma. Assim nasceu esta canção, que fala de um par de mãos que ultrapassa o limite que lhe é permitido e que anula, tira, magoa e muda para sempre, com o impacto que tem no corpo de quem lhe é roubada a liberdade.” afirma a artista sobre o novo single.

É no mote “dançar as nossas dores” que a artista enaltece a força de que podemos ultrapassar até mesmo os desafios mais sombrios e ainda dançá-los e cantá-los. Para que isto seja possível, e na tentativa de ser essa VOZ que fala por todos os que de alguma forma já passaram pelo mesmo, MALLINA juntou-se a DØR e Alex Sweeney para chegar à sonoridade de produção que pretendia para a canção, e contou com a ajuda de Brisa, na letra da música.

Tal como já nos tem habituado, MALLINA nunca nos entrega a sua arte apenas a nível sonoro mas sempre com uma componente visual impactante e distinta. A produção fotográfica e o videoclipe têm como inspiração estátuas e objetos inanimados, para mostrar a sensação de ser-se objetificada. O vídeo é todo ele passado num libertar de tensão e conta com planos onde mãos de várias pessoas com muita vida, ultrapassam o seu limite do toque, mostrando assim, mãos que tiram sem perguntar e que nos marcam para sempre. Para cobrir o seu corpo em grande parte do vídeo, e também na foto de capa do single, MALLINA utiliza um tecido longo e metálico, que para além de trazer o efeito industrial e polido, simboliza a proteção e defesa, em caso de risco.

É assim que percebemos que, esteticamente, a artista tenta cruzar o bizarro com o editorial, tentando dar sempre a sua nota de Cultura Pop e Moda às imagens que produz. Para que este videoclipe e toda a estética acontecessem contou com a preciosa visão da fotógrafa Tatiana Saavedra, e de Andreia Pereira da Silva, no vídeo e edição.

“Quero muito dançar esta música com todas as pessoas a quem um par de mãos lhes roubou o que quer que fosse. Seja isso, consentimento, respeito, espaço pessoal, saúde mental. Uso muito o mote “dançar para avançar! Usem-no também” é o desejo de MALLINA com este novo single.

MALLINA vai apresentar este single pela primeira vez ao vivo já no próximo dia 20 de junho, num concerto único no ESPAÇO MOCHE, com curadoria de Estúdio Zeco e três convidados especiais: Lázaro, Peculiar e Alex D’alva. Uma onda do sul invadirá novamente Lisboa, trazendo a boa hospitalidade que tanto a caracteriza.

“Nas Tuas Mãos” já se encontra disponível em todas as plataformas digitais e ao longo do ano de 2024 podemos esperar vários lançamentos, a culminar num projeto com saída em 2025.

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Please follow and like us:
Pin Share
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!