banner-spotlightconcertos/músicaculturadestaque

O Sol da Caparica, o Festival (em) português está de volta

11 a 15 de agosto na Costa da Caparica

As boas energias, animação e muita música juntaram-se ao sol, praia e brisa marinha para receber todos os que se deslocaram ao Parque Urbano da Costa da Caparica e a ineews esteve lá.

Depois da paragem forçada, devido á pandemia, foi alegria que se via estampada no rosto de quem esperava para entrar no recinto, que foi mudando para frustração, devido ao atraso de abertura de portas de mais de uma hora, mas rapidamente todos se esqueceram disso assim que as portas se abriram e foram recebidos pela batida do Porbatuka, que estavam nas várias entradas a tocar para os festivaleiros.

O festival tem quatro palcos Super Bock, Free Now, Unlock Energy e Comédia/Jazzy, este ultimo começa por ter espectáculos de humor e depois de dança, onde estiveram ontem a animar a tarde João Nuno Gonçalo, Miguel Neves e o incomparável Fernando Rocha, já durante a noite o palco foi tomado pela grupos de dança, Souliah Fighters, Jazzy Dance Crew, Kriss Kross Crew, Dance Coolture, que com várias actuações foram colocando todos a dançar.

Mas claro foram os palcos Free Now e Super Bock, que concentraram maiores atenções, no palco Free Now, foi o rock do Puro Rock que abriu o palco, seguindo-se Ive Greice, Syro, antes da enchente de Julinho KSD, com um palco secundário a rivalizar com o palco principal, Miguel Ângelo foi o último a actuar neste palco.

Jimmy P abriu a tarde no palco Super Bock, e sem surpresa conquistou a plateia desde o primeiro momento, saltou mesmo as baias de protecção, e no meio dos seus fans, em delírio, dançou e cantou com eles, um momento fantástico.

Virgul foi quem se seguiu, que com a sua musica, manteve os níveis de calor e energia do publico em alta, os Clã passaram então pelo palco, Manuela Azevedo, lembra esta é primeira presença da banda no Festival da Costa da Caparica, levando o publico por uma viagem entre os temas mais conhecidos da banda, e os do ultimo álbum, em que contam com a colaboração de Samuel Úria e Sérgio Godinho.

Segue-se Fernando Daniel, não é necessário dizer muito, o publico em delírio, canta, dança, aqueles que têm espaço par o fazer, com o cantor a percorrer os seus muitos êxitos, que todos sabem, e claro, com muitos suspiros, dos fans, que o seguem para todo o lado.

É já noite cerrada e com a temperatura a descer que entram em palco os Calema para aquecer os corações e o ambiente, como sempre a sua musica e simpatia, contagiaram o publico, que se “derreteu” desde a entrada de Fradique e António os manos de São Tomé e Príncipe que conquistam todos os palcos por onde passam.

Os concertos no palco terminaram com Wet Bed Gang, um concerto muito esperado e que finalizou um primeiro dia de musica em língua portuguesa, neste regresso da musica, á Costa da Caparica, bom terminar, não terminou, pois a festa continuou, com ritmos mais electrónicos na tenda do Unlock Energy, com Sightseer, Rich e Mendes, Buruntuma e foi madrugada a dentro com Diego Miranda que o Festival Sol da Caparica deu por terminada a primeira noite.

Para hoje espera-nos outro grande dia Festival

  • Alcoolémia
  • Anna Joyce
  • Bonga
  • Djodje
  • HMB
  • Mão Morta
  • Nowhere To Be Found
  • Piruka
  • Richie Campbell
  • Ricky Man
  • Rui Orlando
  • Vado Más Ki Ás
  • Zeca Sempre

Palco Unlock Energy

  • Deejay Kamala
  • Danni Gato
  • Hugo Tabaco
  • DJ Mandas

Palco Comédia

  • Gilmário Vemba

Palco Jazzy

  • Starfyah Crew
  • Jazzy Dance Crew
  • Mgboos

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Artigo em actualização

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!