empresaslifestyleportugal

Parque Nascente implementa Coloradd® para facilitar a experiência das pessoas com daltonismo

Dia 10 de junho, à 14h, todos estão convidados para a inauguração oficial da aplicação do sistema cromático no Parque Nascente através da presença do Miguel Neiva, criador do ColorADD®.

Durante o fim de semana vão decorrer várias atividades, como a utilização de uns óculos de filtro cromático, para que os clientes percebam o impacto real que esta perturbação da perceção das cores tem no dia a dia.

O Parque Nascente, à semelhança do Espaço Guimarães e Aqua Portimão, implementa o sistema ColorADD®, tornando-se mais inclusivo para os daltónicos. O código estará por todo o centro comercial, desde parques de estacionamento e variadas áreas de utilização dos clientes e até nas zonas de separação de resíduos para as equipas internas, de forma a tornar o espaço mais convidativo e fácil de navegar por parte de pessoas com daltonismo.

Esta iniciativa está inserida na política de responsabilidade social do Grupo Klépierre – proprietária e gestora de mais de 100 centros comerciais na Europa, será implementada nos restantes centros comerciais geridos pelo Grupo em toda a Europa. Para Stéphanie LopesÉ um orgulho sermos os primeiros centros comerciais em Portugal a colocar em prática o ColorADD®, um sistema de cores que permite identificar cores através de símbolos gráficos e que permitem que a visita das pessoas com daltonismo seja mais agradável e simplificada. Estamos em constante mutação e procuramos melhorias visando o bem-estar e a inclusão de todos. Portugal ter sido o primeiro país a executar esta iniciativa aporta mais valor aos centros comerciais e à nossa comunidade. Queremos que os nossos clientes tenham a melhor experiência, que se sintam bem recebidos, confortáveis e usufruam na totalidade dos nossos espaços e serviços.

ColorADD®, o sistema de cor que ajuda os daltónicos
O sistema de cores ColorADD® foi criado em Portugal, com o objetivo de tornar a comunicação mais eficiente, responsável e inclusiva. O código permite, a quem tem discromatopsia, mais conhecida por daltonismo, identificar cores, sempre que estas são um fator de identificação, orientação ou escolha. Através de 5 símbolos gráficos que representam as cores primárias – amarelo, magenta e azul – assim como branco e preto. A partir da junção destes símbolos, tal como acontece com a adição de cores, é possível criar novos símbolos gráficos, que representam as restantes cores. É ainda possível fazer referência a cores claras e escuras, se estes símbolos se encontrem dentro de quadrados brancos ou pretos.

O daltonismo é uma doença genética que consiste na dificuldade ou incapacidade de uma pessoa distinguir algumas ou todas as cores. Afeta cerca de 350 milhões de pessoas em todo o mundo e estima-se que em Portugal, 500 mil homens e 27 mil mulheres sofram desta incapacidade de identificar cores. A cor é um dos meios mais utilizados para comunicar: estão em sinais de trânsito, em informações nutricionais e até na roupa que vestimos. Segundo alguns dados, 41% das pessoas com daltonismo já teve dificuldade de integração e 90% pede ajuda quando compra peças de vestuário.

O Parque Nascente convida todos a experienciarem um centro comercial mais inclusivo.

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!