ambiente

Projeto Replay está a dar nova vida aos brinquedos com que as crianças já não brincam

O projeto dá pelo nome de Replay e pretende fazer novos brinquedos a partir dos antigos. Uma forma de potenciar a reciclagem dos plásticos dos brinquedos em fim de vida e, dessa forma, dar uma resposta mais ecológica aos 30 milhões de brinquedos que, todos os anos, acabam em aterros ou são incinerados por serem feitos de materiais demasiado diversos. Há vários locais na cidade onde se podem entregar estas peças.

Porque tudo começa na desmontagem. O que os dinamizadores do Replay pedem é que pais e filhos se juntem para escolher os brinquedos que já não entram nas brincadeiras e os desmontem nas várias peças que os compõem. Depois, basta entregar tudo num dos pontos de recolha.

O passo final cabe a estudantes de design de produto que vão desenvolver o conceito e criar um brinquedo totalmente novo a partir do velho. O que não puder ser aproveitado para brinquedo vai ser transformado em caixas que serão colocadas em parques infantis. O objetivo é que nestes recipientes sejam colocados brinquedos em bom estado de forma a promover a troca entre os mais novos e estimular o sentido de partilha e uma maior interação e coesão comunitária ao nível local.

Quem se quiser juntar à batalha pela reciclagem pode entregar as peças dos brinquedos no Ecocentro da Prelada, na loja Babyboom Porto, na Ecotribu, na Maçaroca Mercearia Viva, na Miss’OPO ou nas instalações da OPOLAB.

O Replay é um projeto desenvolvido pela Zero Waste Lab e pela Precious Plastic Portugal.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!