angolaempresaslusofonia

Qatar Airways lança voos para Luanda a partir de 14 de dezembro

This post is also available in: English (Inglês)

A transportadora nacional do Estado do Qatar vai lançar a nova rota para Luanda, Angola, a partir de 14 de dezembro, com um voo semanal.

A frota da Qatar Airways de aviões modernos e eficientes em termos de combustível permitiu-lhe continuar a voar durante a pandemia e reconstruir de forma sustentável a sua rede, mantendo a posição de principal transportadora internacional a proporcionar uma conectividade global. A Qatar Airways retomará os voos e aumentará os serviços para vários destinos nas próximas semanas, incluindo:

  • Argel (dois voos semanais a partir de 13 de novembro)
  • Chicago (aumento para nove voos semanais a partir de 15 de novembro)
  • Kiev (três voos semanais a partir de 18 de dezembro)
  • Miami (dois voos semanais a partir de 14 de novembro)
  • Nova Iorque (aumento para 14 voos semanais a partir de 14 de novembro)
  • Phuket (dois voos semanais a partir de 4 de dezembro)
  • Seychelles (três voos semanais a partir de 15 de dezembro)
  • Tbilisi (um voo semanal que começou a 5 de novembro)
  • Varsóvia (três voos semanais a partir de 16 de dezembro)

A juntar-se a Luanda na lista de novos destinos estará São Francisco, com quatro voos semanais a partir de 15 de dezembro de 2020.

O Chefe do Executivo do Grupo Qatar Airways, Sua Excelência o Sr. Akbar Al Baker, afirmou: Estamos muito contentes por continuar a reconstruir a nossa rede, recuperando rotas e acrescentando novos destinos. Fizemos como nossa prioridade não só reiniciar a maioria dos nossos destinos existentes, o mais rapidamente possível, como também lançar novas rotas. (…) Com mais de 700 voos semanais atualmente para pouco mais de 100 destinos, e planos para aumentar a nossa rede para mais de 125 destinos até ao final da época de Inverno da IATA, os nossos passageiros desfrutarão de mais opções para viajar globalmente sempre que quiserem, de forma segura e fiável”.

O investimento estratégico da Qatar Airways numa variedade de aviões bimotores eficientes em termos de combustível, incluindo a maior frota de aviões Airbus A350, permitiu à Qatar Airways continuar a voar durante esta crise e posicionar-se na liderança da recuperação sustentável das viagens internacionais.

A companhia aérea recebeu recentemente três novos aviões Airbus A350-1000 de última geração, aumentando a sua frota total de A350 para 52 aviões, com uma idade média de apenas 2,6 anos. Devido ao impacto da COVID-19 na procura de viagens, a Qatar Airways imobilizou a sua frota de aviões Airbus A380, uma vez que não é ambientalmente justificável operar um avião tão grande no mercado atual.

A Qatar Airways também lançou recentemente um novo programa que permite aos passageiros compensar voluntariamente as emissões de carbono associadas à sua viagem no ponto de reserva.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!