a concerto selectbanner-spotlightconcertos/músicacultura

Tito Paris com uma constelação de estrelas

Campo Pequeno

Tito Paris regressou aos grandes palcos, no Campo Pequeno teve a companhia não só da sua banda mas também de outras estrelas, que consigo formaram a constelação que aqueceu o público com a musica de Cabo Verde.

O Concerto “O Melhor de Tito Paris & Amigos” com alguns dos grandes êxitos da carreira já com 33 anos, de Tito, que n esta noite teve a companhia de Patrícia Silveira, Cremilda Medina, Paulo de Carvalho, Mariza, Paulo Flores, Paulo Gonzo e Pierre Aderne.

Tito Paris > Campo Pequeno ©Luís M. Serrão – iNeews < 2021.11.28

Um dos filhos mais queridos de Cabo Verde, que na sua carreira trabalhou com Bana, Dany Silva, Paulino Vieira, Paulo de Carvalho, Celina Pereira e Vitorino, Cesária Évora, Boss AC e muitos mais, e que tem dado a conhecer tantos outros talentos da música, um dos convidados diria mesmo “o coração de Tito não tem fim”, é um dos maiores embaixadores da música de Cabo Verde no mundo.

Fidjo Maguado’ marca a sua carreira a solo como sendo álbum de estreia, editado em 1987. Os álbuns seguintes levaram-no a assinar com a editora MB Records, nos Estados Unidos da América e numa tour mundial que o levou a promover a sua música e Cabo Verde pelo mundo inteiro. 

Com o passar dos anos, Tito Paris consolidou-se como sendo um dos maiores marcos culturais de Cabo Verde, pelas pontes que tem criado entre os países de língua portuguesa que culminaram na condecoração de grau de Comendador da Ordem do Mérito pelo Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, em 2017.

Tito Paris > Campo Pequeno ©Luís M. Serrão – iNeews < 2021.11.28

Um concerto muito descontraído, como se estivesse a actuar para amigos e com amigos, começou com Tito ao piano sozinho com ‘Poeta’, num momento intimista com o publico do Campo Pequeno, foram muitos os êxitos que foram desfilando, ‘Cidade Velha’, ‘Mim é Bô’, ‘Dança Ma Mi Criola’, entre tantos outros de uma carreira cheia de boa música.

No palco teve companhia da fantástica Patrícia Silveira, que o acompanhou em ‘Padoce de Céu Azul’ depois uma das uma das novas e vibrantes vozes de Cabo Verde, Cremilda Medina, com quem cantou ‘Ondas di bo Corpo’, com Paulo Gonzo cantou ‘Negra’, com a voz de Angola, Paulo Flores, cantou ‘Clarice’, depois foi a vez de Pierre Aderne subir ao palco para interpretar com Tito Preto é Mim’.

Tito Paris > Campo Pequeno ©Luís M. Serrão – iNeews < 2021.11.28

Segue-se um dos maiores nomes da música portuguesa, amigo de longa data de Tito Paris, Paulo de Carvalho, com quem cantou ‘Curti Bô Life’ e ‘Pretinha’, depois foi a vez de uma das estrelas do fado, Mariza que com Rui Poço na guitarra portuguesa cantaram ‘Beijo de Saudade’.

Mas tudo o que é bom, acaba por terminar, pelo menos até ao próximo concerto de Tito Paris, foi com uma homenagem a Cesária Évora que o concerto terminou, com Tito Paris e todos os convidados a cantar ‘Sodade’ com o público do Campo Pequeno a acompanhar, foi o fim perfeito para este concerto fantástico.

Alinhamento do Concerto:

  • Poeta
  • Guilhermina
  • Padoce de Céu Azul
  • Cidade Velha
  • Morna PPV (Era um Sonho)
  • Otila Otilo
  • Ondas di bo Corpo
  • Coragem Irmão
  • Mim é Bô
  • Estrela Linda
  • Negra
  • Nina
  • Clarice
  • Cantador
  • Preto é Mim
  • Rosto di Morena
  • Curti Bô Life
  • Pretinha
  • Regresso
  • Beijo de Saudade
  • Dança Ma Mi Criola
  • Sodade

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!