a concerto selectbanner-spotlightculturadestaque | reportagemmúsica

Tito Paris comemorou no Coliseu 40 anos encantar as plateias dos Mundo

Coliseu dos Recreios

O Coliseu dos Recreios foi o palco das comemorações dos 40 anos de carreira de uma nome maior de Cabo Verde e da música do mundo, Tito Paris, um compositor aclamado e um coração grande, sempre disposto a ajudar.

Como seria de esperar e diga-se merecido, foi uma sala completamente cheia que recebeu Tito Paris para este concerto comemorativo de uma vida dedicada à música de Cabo-Verde e foi na companhia de amigos em palco e fora dele que se deu esta festa maravilhosa. 

Tito Paris < 2023.11.10 < Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews

Bonga, Rui Veloso, Dani Silva e Sandra Horta foram os convidados em palco que deram ainda mais brilho a um concerto que todos fez dançar e a cantar de início ao fim numa noite cheia de emoção e alegria, amigos de longa com ele partilharam o palco, mas ele nunca esquece os novos valores, como Sandra Horta, e são muitos que têm partilhado o palco com Tito, que está sempre disponível para os apoiar.

Tito Paris (Aristides Paris nasceu em 30 de maio de 1963) cantor e músico cabo-verdiano e uma das figuras mais importantes da história da música cabo-verdiana e é conhecido pela sua mistura única de ritmos tradicionais cabo-verdianos e sons contemporâneos.

Tito Paris < 2023.11.10 < Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews

Paris nasceu em Mindelo, e começou a tocar guitarra desde cedo. Mudou-se para Portugal em 1982 e começou a actuar com bandas locais. Ele logo ganhou seguidores pelos seus dotes vocais emocionantes e guitarra eletrizante.

Tito lançou o seu álbum de estreia, Voz de Cabo Verde, em 1991. O álbum foi um sucesso comercial e de crítica e ajudou a estabelecer Paris como uma figura importante na música cabo-verdiana. Desde então, lançou vários álbuns de sucesso, incluindo Kriola (1994), Nha Terra (1997) e Best of Tito Paris (2002).

Tito Paris < 2023.11.10 < Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews

Músico versátil que se sente igualmente à vontade com a música tradicional cabo-verdiana, como a coladeira e a morna, e com sons contemporâneos, como o jazz e o funk é um talentoso compositor e muitas das suas canções tornaram-se clássicos da música cabo-verdiana.

Paris fez extensas turnês por todo o mundo e se apresentou em grandes festivais como o WOMEX World Music Expo e o Montreux Jazz Festival. É intérprete regular em Lisboa, onde vive desde 1982.

Tito Paris < 2023.11.10 < Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews

Recebeu vários prêmios, incluindo o Cabo Verde Music Award de Melhor Artista Masculino em 1994 e o Prêmio Semaine du Film Africain de Paris de Melhor Trilha Sonora em 1996. Ele também foi indicado ao Grammy de Melhor Álbum de World Music em 2000.

Um verdadeiro ícone da música cabo-verdiana e o seu trabalho ajudou a apresentar esta rica e vibrante tradição musical a um público mais vasto. Ele é um verdadeiro embaixador do seu país e a sua música continua a inspirar e entreter pessoas em todo o mundo.

Tito Paris < 2023.11.10 < Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews

O final do concerto ficou marcado com a entrega pelo presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas da Medalha de Mérito Cultural de Lisboa, uma merecida homenagem da cidade de Lisboa.

Veja aqui as fotos do concerto de Tito Paris do Coliseu dos Recreios

Tito Paris < 2023.11.10 < Coliseu dos Recreios ©Luís M. Serrão – ineews

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Please follow and like us:
Pin Share
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!