ambienteciênciaportugal

Universidade de Coimbra promove workshop de demonstração de resultados do projeto Safeforest

A Associação para o Desenvolvimento da Aerodinâmica Industrial (ADAI) e o Instituto de Sistemas e Robótica (ISR) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) vão promover esta quinta-feira, 4 de maio, um workshop de demonstração dos resultados do projeto “Safeforest – Semi-Autonomous Robotic System for Forest Cleaning and Fire Prevention”.

As sessões de apresentação terão lugar no auditório do ISR, no Pólo II da Universidade de Coimbra, entre as 9h00 e as 12h00, e as demonstrações no terreno decorrem no Departamento de Engenharia Mecânica (DEM), entre as 14h e as 16h.

As sessões de apresentação terão um caráter mais técnico sobre os sistemas robóticos desenvolvidos pelo projeto e a importância da gestão florestal como medida de promoção da sua resiliência, que decorrem da parte da manhã. Durante a tarde, a demonstração dos equipamentos no terreno permitirá observar voos autónomos pré-programados; mapeamento aéreo de regiões pré-definidas; aquisição de dados para geração de mapas de traversabilidade e de vegetação; navegação todo-o-terreno e ainda, remoção semiautónoma de vegetação.

O projeto Safeforest, liderado por um consórcio constituído pelas empresas Ingeniarius e SILVAPOR, em colaboração com a ADAI e o ISR da FCTUC, bem como com a Universidade americana Carnegie Mellon (CMU), tem como objetivo o desenvolvimento de tecnologias inovadoras para a prevenção de incêndios florestais, com ênfase na robótica móvel.

A solução proposta envolve a utilização de plataformas terrestres (robôs) e aéreas semi-autónomas (drones) para realizar missões de limpeza de terreno, visando remover a vegetação redundante e alcançar a limpeza desejada. O funcionamento de ambos os protótipos será demonstrado no local.

De acordo com o consórcio, os resultados deste projeto trazem diversas mais-valias ao nível da prevenção e combate de incêndios florestais, nomeadamente navegação autónoma em florestas, melhoria da perceção artificial e gestão eficiente do sistema robótico.

O projeto Safeforest, é co-financiado pelo FEDER, COMPETE 2020, pelo Programa CENTRO2020 e pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) no âmbito do Programa Carnegie Mellon Portugal (CMU Portugal).

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!