Eventos

Yamandú Costa e Armandinho Macêdo em Coimbra

Teatro Académico de Gil Vicente

Dois virtuoses da música brasileira apresentam-se na 4a. edição do Ciclo de Música Orphika, no Teatro Académico de Gil Vicente (TAGV), em Coimbra, no dia 6 de dezembro, às 21h30. Bilhetes à venda

Dois dos mais importantes músicos brasileiros, o violonista Yamandu Costa e o guitarrista e bandolinista Armandinho Macêdo, juntam-se em palco, no dia 6 de dezembro, pelas 21h30, para um concerto que faz parte da 4a edição do Ciclo de Música Orphika. Os bilhetes podem ser adquiridos na bilheteria do TAGV.

No alinhamento do concerto estão os temas Bahia e Grêmio e A Nossa , ambas de Yamandu Costa e Armandinho Macêdo, Apanhei-te Cavaquinho (Ernesto Nazaré), Marcha Turca (Mozart), entre outros.

A parceria entre Yamandu e Armandinho vem de longa data. Os músicos têm se encontrado nos palcos do mundo desde 2001. O concerto mais recente decorreu neste verão de 2022, quando o duo apresentou-se Roma.

O fadista Francisco Costa vai fazer a primeira parte do concerto acompanhado por Ni Ferreirinha (baixo), Ricardo J. Dias (Acordeão/piano), Luís Barroso (guitarra portuguesa), Tiago Anjinho (violoncelo), Amadeu Magalhães (Instrumentos populares) e Luis C. Santos (viola).

Sobre Yamandu Costa:
Radicado em Lisboa, o músico brasileiro Yamandu Costa encanta plateias por onde passa levando suas inesquecíveis performances – solo, acompanhado de outros músicos ou com orquestras – carrega a marca da música do sul do Brasil, e incursiona por diferentes gêneros musicais, formando junto com seu violão de sete cordas uma rara simbiose. Nascido em uma família de músicos, aos 6 anos de idade Yamandu ganhou de seu pai o primeiro violão. Aos 21 anos, o galardoado violonista e compositor recebeu o Prêmio Visa Instrumental, então o maior reconhecimento da música brasileira que o possibilitou editar o seu primeiro disco solo. A partir de então já são diversos álbuns, solo ou em parcerias; inúmeros concertos no Brasil e no exterior; outras premiações, entre elas o “Grammy Latino”, em 2021, como melhor álbum de música instrumental com “Toquinho & Yamandu Costa – Bachianinha” (Live at the Rio Montreux Jazz Festival).

Sobre Armandinho Macêdo
Filho de Osmar, que inventou o trio elétrico junto a Dodô, Armandinho Macêdo tem 58 anos dedicados à música. Referência do Carnaval da Bahia, o músico utiliza um instrumento que batizou ainda nos anos 70 como guitarra baiana.
Armandinho já foi homenageado por Caetano Veloso com a música “Armandinho” e Baden Powell com a música “Um abraço no Trio Elétrico” e já dividiu o palco ou recebeu em seu trio elétrico Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa, Fafá de Belém, Daniela Mercury, Ivete Sangalo, Carlinhos Brown, Hermeto Pascoal, Arthur Moreira Lima, Yamandú Costa, Stanley Jordan Stanley Clarke , entre tantos outros.
Com sua icónica banda “A Cor do Som”, recebeu o Grammy Latino 2021 na Categoria De Melhor Álbum de Rock ou Música Alternativa.

Concerto:
Yamandú Costa e Armandinho Macêdo
Primeira parte do concerto: Francisco Costa
Data: 06 de dezembro de 2022 (terça-feira) às 21h30
Local: TAGV (Teatro Académico de Gil Vicente)
Bilhetes: 30,00 Plateia e 15,00 Balcão
Organização: Mondego Jazz; Claudio Gadotti Music Management e Fado ao Centro.

Confirme sempre junto da sala de espetáculos ou promotor as condições de acesso, confirmação da data ou horário, local de venda dos bilhetes, preço e disponibilidade.

Siga-nos nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram, Youtube e TikTok e veja os nossos conteúdos exclusivos.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo
error: Content is protected !!